AMORFO – nanquim, spray e grafite sobre o papel


Abertura da exposição AMORFO na Galeria de Arte do Sesc contou com a presença do artista catarinense Jan M.O, que aportou em Aracaju na última quarta-feira para acompanhar de perto a montagem e lançamento da exposição. O público prestigiou o evento que contou com a participação especial do Ferraro Trio e seu repertório jazzístico.

Jan é artista visual e designer gráfico. Há mais de 15 anos explora as técnicas do desenho, inspirado em jogos de montar palavras, ainda na infância. Atualmente pesquisa as práticas da gravura e a criação de objetos. Em seu trabalho utiliza técnicas manuais e experiencias industriais na produção de obras tridimensionais.

A exposição AMORFO foi selecionada no Edital de ocupação de pautas da galeria de arte do Sesc, lançado o ano passado. Seu currículo destaca exposições individuais no Distrito Federal, Goiás, Minas Gerais, São Paulo e Santa Catarina. O artista também já participou de coletivas e salões em outros estados e países como a Colômbia e Espanha.

Para o curador da exposição, Gleber Pieniz – jornalista e crítico de arte – à primeira vista, as imagens da série AMORFO remetem aos tradicionais trabalhos da arte figurativa, às litografias e outros processos visuais. “A exemplo dos autores do Oulipo que impunham à sua escrita uma série de restrições em busca de uma nova objetividade para literatura, Jan lida com os limites visuais do ambigrama, molda a imagem dentro das fronteiras da sua significação e resgata um dos mais essenciais atributos da arte – sua identificação com o jogo e com a brincadeira.

A exposição ficará em cartaz até 23/11. A galeria de arte do Sesc está situada à Rua Senador Rollemberg, 301, Bairro São José. Ela funciona de segunda a sexta-feira, das 12 às 20h. Visitas mediadas também podem ser agendadas pelo 3216-2753/2726/sescgaleria@gmail.com.

Vale conferir, o acesso é gratuito.