Campanha “Água pra Viver” mobiliza comerciários e empresários sergipanos


O Presidente do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac e Vice-Presidente da CNC – Confederação Nacional do Comércio, Laércio Oliveira, dará início no dia 20/02 à campanha “Água pra Viver”, em prol da população sertaneja, atingida pela seca que assola o interior de Sergipe desde o ano passado.

A campanha visa sensibilizar a sociedade para a doação de água potável para consumo humano, em qualquer quantidade, nas unidades do Sesc, Senac e instituições empresariais que estão dando apoio a esta iniciativa, a exemplo da CDL (Câmara dos Dirigentes Lojistas), FCDL (Federação das Câmaras dos Dirigentes Lojistas), Acese (Associação Comercial e Empresarial de Sergipe) e Fórum Empresarial de Sergipe.

A água será distribuída nas regiões que necessitam de ações mais emergenciais e o trabalho de coleta e entrega será realizado pelo Programa Mesa Brasil Sesc – rede nacional de combate à fome e desperdício de alimentos.

Os colaboradores do Sesc e do Senac também se somaram à corrente de solidariedade, idealizada pelo presidente e apresentaram planos de ação que envolverão o público das instituições e seus familiares. A força-tarefa acontecerá nas unidades e em parceria com centros educacionais e estabelecimentos comerciais.

Segundo Laércio, a mobilização dos servidores do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac é de suma importância na motivação dos comerciários, familiares e amigos. “A solidariedade é a força motriz e a união de esforços amenizará a situação de centenas de famílias que resistem ao flagelo da seca em nosso estado. Hoje precisamos ajudar nossos irmãos sertanejos que tem sofrido muito com a seca. Tenho andado pelo interior sergipano e a dura realidade do que está acontecendo. Por isso decidi que era hora de nos mobilizar para ajudar as pessoas nesse momento”, disse o presidente.

Além da coleta de água potável em pontos fixos da capital e do interior, também serão realizadas blitze de trânsito em pontos estratégicos da cidade, com o objetivo de divulgar a campanha e estimular a participação dos aracajuanos.

O presidente da Acese, Marco Pinheiro, em visita à Fecomércio, reforçou o engajamento da entidade. “A mobilização dos empresários será através do corpo a corpo, das redes sociais, reuniões e encontros”, adiantou Pinheiro, colocando à disposição a Associação como ponto de coleta.

Laércio Oliveira tem se reunido com organizações governamentais e da sociedade civil com o objetivo de chamar atenção para um problema de repercussão nacional, que tem dizimado rebanhos e colocado centenas de famílias em situação de vulnerabilidade social. “Já foi decretada emergência em de 30 municípios. Um número muito alto, quase a metade do Estado está em situação de gravidade por causa da seca. Precisamos reagir e mudar esse cenário”, enfatizou o presidente.