Realizadores audiovisuais prestigiam a Mostra Serigy


 

A sala de exibições do Cine Vitória, localizado no centro comercial de Aracaju, foi palco da abertura da Mostra Sesc Serigy de Cinema. O evento, que corresponde a etapa estadual da mostra nacional, reuniu realizadores audiovisuais, produtores, jornalistas, estudantes e pesquisadores.

Antes das exibições dos curtas Nadir da Mussuca, Lambe Sujo X Caboclinhos e O Corpo é Meu, foi realizado um bate-papo sobre as novas cartografias do audiovisual no Nordeste, mediada pela jornalista Suyene Correia, com as participações da cineclubista Yanara Galvão, o realizador audiovisual Leandro Alves, Rosangela Rocha, diretora do Curta/Se e Baruch Blumerg, do Sercine.

A iniciativa do Sesc visa divulgar e fortalecer a produção artística sergipana e promover intercâmbio entre realizadores, público e críticos. “A mostra é uma oportunidade de difusão e de incentivo para os que realizam, estudam e pesquisam. O nosso foco é ser um polo irradiador, propositivo e transformador, criando oportunidades para o surgimento de novas iniciativas culturais”, disse a diretora regional do Sesc, Adely Carneiro, ressaltado o trabalho sistemático da instituição nas Unidades e nas comunidades, a exemplo dos projetos Cine Olho, Cine Sesc e a Escola Vai ao Cinema.

A mostra é gratuita e segue até quarta-feira, 07/06, com exibições nos turnos da manhã e tarde. À noite, encerra o evento com a premiação das categorias: melhor Direção, Direção de Arte, Direção de Atores, Fotografia, Roteiro, Montagem, Desenho de Som, Pesquisa de Filme Etnográfico, além de Menção Honrosa e Melhor Filme da Mostra 1º e 2º lugares (júri popular).

A programação completa e a sinopse dos filmes estão disponíveis no www.sesc-se.com.br/mostrasescserigydecinema