Projeto “Trabalhando Valores” debate a prática destrutiva do bullying


Na última terça-feira os alunos do centro educacional Sesc Ler, localizado no município de Indiaroba, participaram do projeto “Trabalhando Valores”. Através de vídeos, dinâmicas em grupo e rodas de conversa os psicólogos da instituição, Anny Caroline Camacho e David Ferreira, trataram do tema bullying e os seus desdobramentos psicológicos e sociais.

Segundo a coordenadora de Educação, Carla Xavier, o bullying é uma das formas de violência que mais cresce no mundo. Ele pode ocorrer em qualquer contexto social, como escolas, universidades, famílias, vizinhança e locais de trabalho. “No Brasil, uma pesquisa realizada em 2010 com alunos de escolas públicas e particulares revelou que as humilhações típicas do bullying são comuns em alunos da 5ª e 6ª séries. O que, à primeira vista, pode parecer um simples apelido inofensivo pode afetar emocional e fisicamente o alvo da ofensa”, disse a coordenadora.

Ainda de acordo com Carla Xavier, incentivar a solidariedade, a generosidade e o respeito às diferenças por meio de conversas, campanhas de incentivo à paz e à tolerância, realização de trabalhos didáticos e atividades de cooperação, são ações que o Sesc desenvolve, visando manter um ambiente favorável à comunicação entre alunos e seus familiares, pois é preciso trabalhar também a influência externa, para que haja um claro entendimento do quanto é destrutiva a prática do bullying em qualquer contexto que o cidadão esteja inserido.